Queda Capilar

Cabelo caindo muito: o que pode ser e o que fazer?

A queda de cabelo excessiva pode assustar e nós sabemos disso. Neste post, você vai entender os motivos que fazem isso acontecer e o que pode ser feito para resolver esse problema. Leia mais! 

clinician image
Aprovado por
Equipe médica
iconÚltima atualização 16 de abril 2024

Por que o cabelo cai muito? O que pode ser?

Existem muitas razões para queda de cabelo acontecer, então, é importante ter a ajuda de um médico para entender o porquê disso estar acontecendo.

Antes de mais nada, saiba que existe uma quantidadede cabelo normal, e até esperada, que pode cair por dia – em geral, varia de 60 a 100 fios.

Por outro lado, há também condições genéticas e problemas de saúde capilar que podem fazer com que o cabelo caia em excesso. Nós falamos sobre cada uma dessas causas nos próximos tópico, vamos a elas!

Ciclo de vida do cabelo

O ciclo de vida do cabelo se divide em três fases: anágena (crescimento), catágena (transição) e telógena (repouso).

O interessante é que cada fio de cabelo passa por essas fases em momentos diferentes. Por exemplo, cerca de 10 a 15% do seu cabelo está passando pela fase telógena nesse momento e nela que eles costumam cair para serem substituídos por novos.

Nós já explicamos com detalhes o ciclo capilar aqui no blog. Que tal ler?

Já deu para perceber que a queda de cabelo pode ser normal até certo ponto, mas quando acontece de forma exagerada, é hora de prestar atenção e procurar ajuda médica para identificar qual o problema por trás disso.

Doenças que causam a queda de cabelo

Alopecia Androgenética

A alopecia androgenética nada mais é que a calvície. É uma condição genética, que atinge cerca de 50% da população masculina, de acordo com a OMS.

A herança genética torna os folículos capilares (estruturas responsáveis por produzir fios de cabelo) dos homens mais sensíveis a ação do DHT, um hormônio formado a partir da testosterona.

Esse hormônio encolhe e enfraquece os folículos e, aos poucos, faz o cabelo afinar – é nesse momento que o homem começa a ter entradas ao redor da cabeça.

Apesar de não ter como previnir que isso aconteça, é possível tratar a calvície com tratamentos eficazes e pouco invasivos. Esses são os medicamentos que podem ajudar nesse sentido:

Minoxidil

Esse é um nome conhecido no tratamento de queda capilar. O Minoxidil é um vasodilatador que aumenta a circulação de nutrientes e de oxigênio nos folículos capilares. 

Ele também é responsável por aumentar a fase de crescimento do fio lá no ciclo capilar. O Minoxidil pode ser aplicado diretamente no couro cabeludo ou então ser usado através de comprimidos.

Finasterida & Dutasterida & Saw Palmetto

Todos esses medicamentos são bloqueadores de DHT, o que dizer que eles interrompem a formação do hormônio pelo organismo. Na prática, isso se reflete no controle da queda e afinamento capilar, ajudando no crescimento de novos fios.

Existem algumas diferenças entre cada um desses medicamentos, vamos resumir para você: a Finasterida é o medicamento mais prescrito dos três, ele é eficaz em 9 a cada 10 homens.

Já a Dutasterida é ainda mais eficaz do que a Finasterida e isso foi comprovado por um estudo em que a medicação se mostrou 29% mais eficiente no bloqueio do DHT. Por fim, o Saw Palmetto é uma alternativa mais natural, com menor possibilidade de efeitos colaterais, mas resultados mais limitados.

Quer saber mais sobre a alopecia androgenética? Nós explicamos com detalhes aqui, no blog!

Eflúvio telógeno

Enquanto a alopecia androgenética provoca o afinamento dos fios aos poucos, o eflúvio telógeno faz os cabelos caírem em pouco tempo.

Geralmente, isso acontece como resposta a traumas sofridos pelo corpo mais ou menos três meses antes dos sintomas aparecerem. Há também o eflúvio telógeno crônico que é quando a queda dura mais de seis meses.

Alopecia Areata

A alopecia areata se diferencia das outras condições pela forma como se manifesta no corpo. Geralmente, aparece por meio de falhas arredondadas no cabelo, na sobrancelha e barba.

Essa também é uma condição genética e acontece com inflamações no folículo capilar. 

O que fazer quando o cabelo está caindo muito?

Como falamos, a ajuda do médico é essencial para entender e resolver a causa dessa queda excessiva. Além disso, manter alguns hábitos que podem te ajudar a melhorar sua saúde capilar, veja:

Alimentação

Não tem como inventar a roda. A alimentação é essencial para o funcionamento do seu corpo todo, inclusive para sua saúde capilar.

Manter uma alimentação saudável vai ajudar a suprir os nutrientes que seu cabelo precisa. As vitaminas do complexo B, presentes em alimentos como castanhas e ovo, são muito conhecidas por melhorar a saúde capilar. 

O destaque fica para a Biotina (B7) que é a que tem mais benefícios para o cabelo, ajudando inclusive a combater a queda capilar. Tanto é que muitas vezes é recomendável fazer um suplementação dessa vitamina para potencializar o tratamento contra calvície.

Shampoo antiqueda

Existem muitos shampoos no mercado e cada um deles pode ajudar com um objetivo para o cabelo. Se a meta é combater a queda capilar, escolher um produto composto por substâncias como saw palmetto, café verde e mentol pode sim ajudar a dar um gás no seu tratamento.

Mas atenção, perceba que falamos em “ajudar”, afinal shampoo jamais poderá substituir o uso de tratamentos médicos para a condição, ok?

Viu como tratar a queda de cabelo pode ser simples? Continue acompanhando nosso blog para aprender mais sobre o assunto!

Embora garantimos que tudo o que você lê no Manual de Saúde seja revisado e aprovado por um médico, as informações apresentadas aqui não têm a intenção de substituir o aconselhamento, diagnóstico ou tratamento médico profissional. Nunca deve substituir um aconselhamento médico específico. Se você tiver alguma dúvida ou preocupação, fale com seu médico.

References
icon¹

Clark, R. V., Hermann, D. J., Cunningham, G. R., Wilson, T. H., Morrill, B. B., & Hobbs, S. (2004). Marked suppression of dihydrotestosterone in men with benign prostatic hyperplasia by dutasteride, a dual 5alpha-reductase inhibitor. The Journal of clinical endocrinology and metabolism, 89(5), 2179–2184. https://doi.org/10.1210/jc.2003-030330

icon²

ISHRS – Effectiveness Of 5% Minoxidil In Treating Male-pattern Hair Loss – https://ishrs.org/2012/08/26/effectiveness-of-5-minoxidil-in-treating-male-pattern-hair-loss/

icon³

Kaufman, K. D., Olsen, E. A., Whiting, D., Savin, R., DeVillez, R., Bergfeld, W., Price, V. H., Van Neste, D., Roberts, J. L., Hordinsky, M., Shapiro, J., Binkowitz, B., & Gormley, G. J. (1998). Finasteride in the treatment of men with androgenetic alopecia. Finasteride Male Pattern Hair Loss Study Group. Journal of the American Academy of Dermatology, 39(4 Pt 1), 578–589. https://doi.org/10.1016/s0190-9622(98)70007-6

icon

Prager, N., Bickett, K., French, N., & Marcovici, G. (2002). A randomized, double-blind, placebo-controlled trial to determine the effectiveness of botanically derived inhibitors of 5-alpha-reductase in the treatment of androgenetic alopecia. Journal of alternative and complementary medicine (New York, N.Y.), 8(2), 143–152. https://doi.org/10.1089/acm.2002.8.143

Leitura adicional
card-image
Queda Capilar
O que é a escala de Norwood?
Conheça a escala de Norwood e entenda melhor sobre a evolução da queda capilar em homens
card-image
Queda Capilar
Calvície na região da coroa? Fique atento aos sinais
Aprenda a identificar os primeiros sinais da calvície com o conteúdo a seguir!
card-image
Queda Capilar
Dutasterida: para que serve?
Entenda melhor como a Dutasterida funciona no tratamento para queda capilar!
card-image
Queda Capilar
DHT: Como ele causa a queda capilar e como evitar que ela ocorra
É a causa mais comum de queda de cabelo em homens, mas o que é DHT? Também conhecido por seu nome completo, di-hidrotestosterona, DHT é um hormônio sexual derivado da testosterona.
Nós utilizamos cookies para analisar dados e personalizar sua visita, saiba mais em nossa política de privacidade